sábado, 11 de dezembro de 2010

"E o nosso canto tem um encanto!"

"2 – Praxe
Epá, além do "preparar para o futuro ambiente de trabalho" há o "preparar para futuros desafio" na vida e no trabalho, e há também o factor de união entre os caloiros...
Se mandamos esfregar em bosta, gritamos com eles ou o que quer
que seja a praxe (divertida ou não), vai fazer com que eles se juntem, (...) o que cria uma intimidade muito maior entre eles, além de os tornar mais fortes...
Trata-se de: estimular o desenvolvimento intelectual e da humildade; criar força na união entre eles; aumentar a integridade e força emocional ; e não de humilhar..
E prá praxe, não vai nada, nada nada?!?!?!
(...)
4 – Ser charrua!
(...) é um estado de espírito.
Quando se é capaz de viver e sentir a escola, como se fosse a nossa casa, como se fosse a nossa família, tendo espírito de
conquista, respeito e orgulho das nossas tradições, quando se fica com a voz embargada e/ou com uma lágrima que teimosamente quer sair quando vemos ou ouvimos a lágrima ou o Hino da ESAS, e quando de peito aberto, somos capazes de soltar da garganta o grito que ja
mais alguém ousara calar "ao alto ao alto Charruas!"(...)"
(Alberto Miranda)



Pequena, nestas terras Ribatejanas.
Às praxes. À tuna. À escola. Aos cursos. Aos nossos animais. Aos caloiros, Borboletas. Aos charruas. A Santarém.
Apetece-me encher isto das músicas... Das músicas que dizem aquilo que eu não tenho palavras pra dizer.


"Agrária é a nossa escola, uma escola de cultura e tradição, que ensina a agricultura essa arte nobre e pura que é sustento da nação! (...)"
"Agrária é a nossa escola, uma escola de vivência singular, que ensina a juventude a viver na plenitude, a tradição secular.
Somos estudantes, somos amantes, da bela mãe Natureza, dos nossos cursos e os seus recursos, cuidaremos com certeza." (Agrária, TAESAS)

"Caloiro da escola nova, agora é este o teu lar.
(...) Muitas horas de aflição, serão as tuas memórias. Se aprenderes esta lição só vais alcançar vitórias.
(...) Serão muitas as canções, e pelo meio a amizade. E nos nossos corações, só restará a saudade." (Caloiro, TAESAS)

A Produção Animal. À ESAS!





sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Galochadas


Foi bom... Foi especialmente bom hoje ir dar o leite aos cabritinhos.
Foi dar-lhes de comer, antes de me dar a mim.
Jejum cheio de sentido.

Viva à ESAS


quarta-feira, 30 de junho de 2010

Quinto...

sentir
viagem
é sempre tempo de ouvir...

Roger Waters - It's a Miracle


Traz-me... viagem auto-caravana chuva espanha vamos andar até Oviedo 84km potes caminhar ruta del cares rotundas e rectas e placas we've got a choice viajar Roger Waters Picos da Europa


Sentires de viagem... De lugares longe...
Ou sentires de família. ?
Às vezes sinto que não sou daqui.
Quarto...

Pois... se calhar perdi cerca de duas horas de volta dela... mas gosto de a encher de mim e dos meus dias.
decorei a minha agenda!!!
Terceiro...

Vou ser operada!

Misto de sentires...
Bem, toda uma comemoração planeada, em que vai haver penaltis de longa duração e dormida a menos de 3 metros de vocês. tolas minhas.

Acho que vou começar a respirar pelo nariz... UHHUHH!
Segundo...

Moveram-me do sofá, em momentos de neura e de necessidade de parar noutro sitio que não no sofá. mais vale. é na bardec do jardim. vou so rever o meu look!
Hoje chovem-me pequenos sentires.
Nem sei. E parece que eles se vão transformando em palavras e em desejo de vir aqui deixar a marca, nesta cama ao som deste som.


Primeiro!

Acho que agora tou naquela fase em que tenho a mania que "topo" todos. topar é mesmo a palavra ideal... que me apercebo de tudo.. de cada pensar e sentir dos outros...
mania.

bom e mau.

sábado, 12 de junho de 2010

Porque este é o lugar do sentir... ÉÉÉ post no mesmo dia


... Porque hoje é o dia, é sempre dia...

...É dia de crescer e construir com as pessoas que me acompanham, hoje foi: AWESOME !

...Podíamos ter visto as fotos amanhã na sala: podíamos. Mas hoje estamos, sentimos, e concretizamos. Correria desvairada até casa, em busca de um simples cartão de memória... Cheio de momentos, de brindes, de amor... GALA!

- "Leva queijo!"; - "Não é preciso, temos atum!"

...Somos... E orgulho-me e agradeço a cada dia, por nós...

Saudação à parelha, que descubro que visita o meu espaço e me acompanha tanto nestes caminhos. Tou-te a galar!


Noite, semana de brilho *





sexta-feira, 11 de junho de 2010

Alegria de dentro. O que tá dentro transmite-se para fora, não é? HOJE



Subo esta estrada a 0,0000001 m/s até a casa, enquanto leio o Memorial.
Chego.
Faço a minha comida com as bolinhas de massa. Ficou péssimo.
Riu-me.
Paro na net, vejo mais umas fotos, agradeço um vestido, penso na Gala. Que boss, que nice que
foi!

Pego na Bíblia, e gostei tanto. E porque não pegar nesta parábola para a reunião do Básico?
Li que tenho o meu nome «escrito no Céu».
Uma chamada para a katy: cancioneiros!
Dou pelas horas: 16.30, autocarro às 16.35!
Impossível!!!
Ora, visto-me, calço-me (sandalinhas da Gala), e cestinha de palha no braço!
Desço a estrada, agora a 10 m/s!
Chego à paragem. São 16.38.
Bolas, perdi.
"OOOOOHHH LÁÁ!!!"
Sorri. Apanhei-o, chegou depois de mim!
(Rés-
vés)
Chego a Leiria. Umas fotocópias, uma água a 10 cêntimos, e chegam os meninos.
Vivo uma reunião, a última.
Embelezo o nosso caderno, que vai ficar com a Ana Margarida.
Vou para a paragem, espero, e chega o autocarro. Entro.
Chega ainda uma senhora, RÉS-VÉS!
Uma viagem em que vejo as árvores e as flores, e penso que as gostava de conhecer melhor.
Passo agora por ovelhinhas bebés. Gostava ainda mais de as conhecer melhor. De todo: animais.
Chego, saiu e caminho para casa.
Doem-me os pés, descalço-me.
Pego na agenda, tenho de aproveitar esta estrada até a casa, e escrevo, nas últimas páginas que lhe restam.
Tiro fotos.
Escrevo e ando, agora, a 0,000001 m/s
:)
Já vejo de novo a minha casa, e o meu espaço da agenda chega ao fim.
Quando chegar a casa vou lavar os pés agora encardidos, escrever no blog, e saudar as minhas ovelhas.
(...)
Sento-me e escrevo. Esta é a minha casa.
(As ovelhas estão a balir!)

(tempo de estudar!)

:)

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

Os doces de A.P!


Não deixo a imagem daquela cara na minha cabeça.
Obrigada pela tua pequenez, falta de dentes, encanto ...

Meninez perfeita.
Um brilho no olhar que me fixou...
E me trouxe a lágrima à despedida...
Nossos meninos.

domingo, 24 de janeiro de 2010


Devaneios daquele lugar.

" É sempre tempo de chover. Esta noite chove. Não é mau... Num banco de madeira com um cinzeiro. Trouxe a minha mochila. É sempre tempo de não querer ir a Riaño. Boa, não fomos. Hoje viémos para Cangas de Onis. (...)
Foram poucas as vezes que no ecrã havia mais para além de «Vodafone ES»... E dói. É talvez o tempo de não ter, não esperar, nem planear o pouco dinheiro no telemóvel fora do país...
(Sorri agora, senhora que foste criticada por nós. «Não.» E quis só sorrir em jeito de desculpa pela frieza de todos à pouco.)
Desligo a música. Fica todo um sotaque de espanholitas! E fica a chuva...E o cheiro a tabaco. E um ambiente calmo, meu... Sem ninguém que me espere.
Acho que voltei a ficar no cais... Vi-os novamente partir.... O autocarro a desaparecer na curva. Mas também parti. É sempre tempo.

Camping Cangas de Onis, Espanha
24/08/09"

domingo, 3 de janeiro de 2010

Olá 2010!!

Algures pelo interior... Perto da nossa Serra da Estrela... Entre muitas aldeinhas simpáticas, acolhedoras, de pedra, de prados, de cabras, encontra-se o Vale Torto, a nossa terrinha por três dias...
Terminar um ano grande, em grande. Ou em pequeno, em simplicidade, amor e beleza.
Guardo as copas no escuro, ou no escurão. O faninauei, ou o "breve fodes-te" nas suas versões. as interpretações dos ídolos, bestial. O Party's and Company versão VISTEX, ousando chegar ao "VIVER A VIUVEZ" com enormes esforços do Simio (estamos em 2010 Tânia)... Um plano muito complexo... A extrospecção do ano 2009, a olhar o teto escuro do quarto... E a neve, o nevar, uma euforia especial... O cair da chuva no nosso Pai-Nosso, última partilha e oração conjunta do ano.
Um obrigada a estes "achados" meus... Um obrigado especial à Sra. sem dentes e ao Sr. da lenha sovacão. Entregas...
Somos 11!

P.S.: No vídeo, de notar o gesto da jovem
do lado direito nos primeiros momentos
do ano novo!

Bom dois mil e tena lady!
;D
video